jueves, 13 de agosto de 2015

Leitura do Evangelho, Sexta-feira 14 de agosto (clique aqui)

Dia Litúrgico: Sexta-feira 14 de agosto
 Evangelho (Mt 19, 3-12): Naquela época, alguns fariseus se aproximaram de Jesus, que, para testá-lo, eles disseram: "Pode-se repudiar sua mulher por qualquer motivo?". Ele respondeu: "Não lestes que o Criador desde o princípio os fez macho e fêmea, e disse:" Por este motivo, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e os dois serão uma só uma só carne? Assim, eles já não são dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem. "

Disseram-lhe: "Então por que mandou Moisés dar-lhe carta de divórcio e repudiar?". Ele lhes disse: "Moisés, considerando a dureza de seu coração vos permitiu repudiar vossas mulheres; mas ao princípio não foi assim. Mas eu vos digo que qualquer que repudiar sua mulher, não por causa de fornicação e adultério se casar com outra comete ".

Discípulos disseram-lhe: "Se essa é a condição de um homem com sua esposa não se casar". Mas Ele disse: "Nem todos podem aceitar esta palavra, mas só aqueles a quem é dado. Porque há eunucos que nasceram assim, desde o nascimento, e há eunucos que se fizeram assim para o reino dos céus. Quem pode entender, você entende. "

  Seu irmão em Cristo, padre Santiago